segunda-feira, 30 de julho de 2018

educação universal

"Qualquer empregado de café, trabalhador administrativo ou contratado a prazo pode tornar-se, se quiser, uma pessoa com uma educação universal - basta-lhe uma educação básica e um smartphone."

Pós-Capitalismo, Paul Mason, ed. Objectiva, 2018, p.188

Sem comentários: