quarta-feira, 4 de março de 2015

Vai para aí uma bernarda por causa de umas tais Pussy Riot. 
Não por causa da evidente falta de coordenação motora mas em razão do barulho criminoso que as criaturas produzem sem pudor, tudo o que fique aquém dos cinco anos de pena efetiva afigura-se-me como uma perigosa complacência.

(2012)

Sem comentários: